en   es   gl   pt  
HOME / GRANDES MESTRES /

MICHAEL J. BRODY

Nascimento:

16 de agosto de 1934
Falescimento:

03 de dezembro de 1990
Nacionalidade:

Norte americana
Campos de Atuação:

Neurofisiologia integrativa
Prêmiação:

Prêmio Okamoto (1987)
Prêmio CIBA (1990)

Michael J. Brody nasceu em Nova York no ano de 1934. Em sua juventude estudou na Escola de Ciências do Bronx, formando-se mais tarde em farmacologia pela Universidade Columbia. Obteve seu título de doutor nessa mesma área em 1961 na Universidade de Michigan.

Ainda em 1961, Michael Brody iniciou sua carreira como professor e cientista no departamento de farmacologia da Universidade de Iowa. Uma característica importante desse departamento era sua integração física e funcional com todas as áreas do ensino da medicina na instituição. Nesse cenário dinâmico e de troca constante de informações entre diversos setores não tardou para o Dr. Brody conquistar respeito e admiração de seus colegas e alunos, não só como mentor, educador e cientista, mas também como figura de destaque na governança universitária.

Michael Brody foi também reconhecido por sua dedicação a internacionalização da pesquisa, realizando intercâmbios com diversas nações, independente de qual país fosse. Neste processo formou vários pós-doutores, incluindo estudantes de países socialistas em plena Guerra Fria. Isso só foi possível por sua visão da ciência, que era para ele essencialmente sem fronteiras.

A área de investigação a qual ele mais se dedicou e se consagrou foi o mapeamento morfofuncional das estruturas do bulbo que controla o sistema cardiovascular. Ele e seus pupilos, incluindo aqui o Prof. Vasquez, demonstraram pela primeira vez que era possível eliminar neurônios dessa região sem danificar fibras de passagem por aquele local. Ele também foi mentor do Prof. Alan Kim Johnson, cuja parceria levou à descoberta de áreas do cérebro livre de barreiras hematoencefálicas. Isso chamou a atenção da Nasa, que investiu em projetos que procuravam estudar a forma como são controlados os volumes de fluidos no organismo.

Por conta de sua pesquisa sagrou-se ganhador de diversos prêmios. Dentre esses, destaca-se o Prêmio Okamoto (1987) pela produção do rato SHR (Spontaneos Highpertensive Rat) e o Prêmio CIBA (1990) por desvendar o papel do sistema nervoso no controle da hipertensão arterial.

O Prof. Brody era reconhecido por seus colegas e pupilos como um praticante regular de esportes. Além disso, realizava com frequência exames que atestavam uma boa saúde. Entretanto, mesmo nessas condições positivas e preventivas de doenças cardiovasculares, em 1990 o Prof. Brody sofreu um provável vasoespasmo, que o levou infelizmente ao óbito quando estava na Austrália para receber o prêmio CIBA.

Rolar para cima